CATEGORIAS

As 5 Melhores Dicas para Otimizar suas Taxas de Conversão

Clear Your Calendar

Aumentar as Taxas de Conversão é uma obsessão dos profissionais de marketing, certo? (Essa foi uma pergunta retórica; se você respondeu que não, deveria rever sua escolha de carreira rapidamente!)

As técnicas de CRO (Conversion Rate Optimization) envolvem muitos mitos e exageros. Por exemplo: você já deve ter ouvido a história de uma empresa que mudou a cor do botão em seu site e aumentou sua taxa de conversão em trocentos por cento. Isso é verdade?

Parcialmente.

Sim, é possível que realizar pequenas alterações no estilo de um site faça alguma diferença. Porém, um profissional de marketing não deveria concentrar a maior parte de seu tempo nessas atividades. Quem diz isso são alguns dos maiores especialistas em Otimização de Taxas de Conversão do mundo, conforme suas apresentações durante o International Conversion Rate Optimization Day 2015 ( ou CRO Day para simplificar).

Baseado nessas análises vamos listar as 5 melhores dicas dos maiores especialistas em otimizar taxas de conversão.

1. Saiba o quanto investir em CRO

Uma das maiores vantagens do CRO é que, sabendo os custos e as taxas de conversão, é possível calcular exatamente o quanto você pode investir. Por exemplo, se você aumentar a conversão em 10% e isso gerar um resultado de R$ 200.000, então é fácil perceber que vale a pena investir R$ 10 mil, R$ 20 mil ou até R$ 50 mil nessa otimização.

Mas, o que fazer quando o projeto é novo e você ainda não entende bem as taxas de conversão? Ou ainda, quando simplesmente não há um orçamento certo para esse tipo de investimento?

Ainda assim é possível otimizar suas taxas de conversão e existem vários recursos online gratuito que podem ajudá-lo a descobrir e aplicar técnicas de CRO assim como várias ferramentas grátis ou com valores acessíveis que você pode usar.

Porém, será necessário investir mais tempo nesta função. Afinal, se você não puder investir na contratação de especialistas em CRO, invista seu tempo para se tornar você mesmo um especialista!

2. Prefira otimizar o conteúdo do que o visual

Ou: é verdade que mudando a cor do botão em meu site a conversão vai duplicar?

Bom, voltamos ao mito de que falamos no início do texto… segundo Ben Hunt, autor do livro Convert! alterar simplesmente o estilo de uma página (como a cor de um botão ou o tamanho de uma imagem) geralmente aumenta a taxa de conversão apenas 5% das vezes, e raramente produz mais de 10% de resultado. Já nos testes que envolvem a otimização de conteúdo, entre 5 e 20% das mudanças gera um resultado, em alguns casos numa ordem de mais de 100% de diferença positiva. Veja o gráfico abaixo:

ben-hunt-graph_pt

Esses números foram retirados de um estudo que Hunt realizou em 50 testes A/B em sites de clientes e em seu próprio site. Ele avaliou o impacto dos ajustes em relação a estilos, conteúdo, ou ambos.

A lição que fica é: para ter grandes resultados, teste e aperfeiçoe sua mensagem, não sua palheta de cores.

3. Em time que está ganhando, se mexe, sim!

Os melhores profissionais de CRO adotam um modelo contínuo para sempre testar e aprimorar a experiência do cliente. Adam Avramescu, da Optimizely, propõe o seguinte método:

  • Determine as conversões que podem ser aprimoradas com base em indicadores relevantes para seu negócio ( taxas de conversão, tráfego, receita, etc);
  • Crie uma hipótese de como a taxa de conversão pode ser melhorada;
  • Identifique os elementos em seu site que podem ser alterados para testar a hipótese, e como eles podem ser ajustados;
  • Faça um experimento, como um teste A/B, e aguarde pacientemente até ter conversões o suficiente para se sentir confiante no resultados;
  • Meça os resultadose, com base neles, decida quais são as próximas taxas de conversão que você pode melhorar.

Afinal, como diz Adam, “Se você só realiza testes uma única vez, então você está deixando de ganhar dinheiro! Teste tudo, sempre.”

4. Aprenda com seus “erros”

Thomas Edison, o inventor da lâmpada elétrica, explicava seus experimentos que não funcionavam da seguinte maneira “Eu não falhei; eu descobri 10.000 formas de não fazer uma lâmpada acender”.

Essa maneira de pensar também deve ser aplicada ao CRO. A cada hipótese e experimento, você obtém resultados valiosos — sejam positivos e negativos — porque entendeu melhor as motivações do seu cliente.

Quando nossos clientes encontram e navegam em nossos sites mas não geram uma conversão, nós não os ajudamos. Nós falhamos em responder às suas objeções, tirar suas dúvidas e deixá-los confiantes para fazer a compra. Isso significa novas chances para melhorar os processos de compra e a experiência do cliente.

5. Pense no objetivo final: melhorar a experiência do cliente!

As metas de um bom trabalho de CRO são bem óbvios: aumentar as taxas de conversão. Porém, não se trata apenas de implementar pequenas alterações e encontrar atalhos para fazer as pessoas clicarem em algum botão do seu site. Agir dessa forma pode até gerar alguns resultados de curto prazo, mas fará com que você perca a verdadeira oportunidade que é atrair os clientes certos para sua empresa.

Os melhores especialistas em CRO nunca perdem isso de vista: eles estão sempre investindo sua inteligência, seu tempo e sua dedicação para melhorar a experiência do cliente. E isso é algo ao alcance de todos nós!

— Por Brad Tiller, Adaptação de Tiago Amaral, especialista em marketing digital com experiência nas áreas de Vendas, Marketing, Produtos e Canais. Fundador da 1+1>2 e diretor regional da Igni. Sua paixão é produzir conteúdo que encanta as pessoas!

Sobre Brad Tiller
Brad é redator da Unbounce, com experiência em marketing de comunidades até geração de leads. Obcecado pelos pequenos detalhes que transformam simples campanhas de marketing a conteúdos virais. Siga-o no Twitter
» Mais publicações por
Comentários